#A OUTRA

#IRINA SOPAS é a minha criadora, quem sabe um pedaço de mim. Às tantas uma personalidade escondida no meu #EU! Uma espécie de consciência, que só aparece quando não é preciso.

Não creio que saiba o que é cooperação, ou talvez se ache melhor do que eu, já que tem a distinta tendência para me abandonar em situações, que fariam qualquer pessoa arrancar os cabelos.

Se bem que, aqui entre nós, se tivesse o tempo, a estranha inclinação ou, a fraqueza de aparentar uma vida normal, gostaria de ser ela por umas horas, nem que fosse para tirar umas férias de mim.

Seja como for, quando dá a cara apresenta-se como Irina Andréa Jacinto Sopas. Pelos vistos nasceu em 18.09.1984, em Luanda, Angola. Assim como eu também não pertence a um só país. É das poucas coisas que temos em comum, contudo vale lembrar que fui obrigada a mudar para #GASTÓN.

Atualmente quase não falamos. Ela culpa o curso na faculdade de Línguas em Portugal. Eu? A sua atenção seletiva. Também já estudou e morou no Rio de Janeiro, Brasil mas nunca nos encontrámos lá. Escreve poesia, crónica, artigo, ensaio e romance.

SIMPLESMENTE NÃO ACREDITO! Ninguém é tão normal assim. E sabes que mais? Acabou o assunto. Visita a página dela e as redes sociais.

http://irinasopas.com/